Como calcular a necessidade de calor e potência de uma salamandra?

A potência térmica útil é um valor expresso em kW (kilo-watts) que indica a quantidade de calor emitida pela salamandra em funcionamento. Poderá ser do senso comum, mas nunca é de mais relembrar que uma salamandra com uma potência térmica mais elevada não é automaticamente a melhor. Tudo depende do tamanho da área que a caldeira irá aquecer.

Iremos calcular que potência deverá ter uma salamandra para conseguir aquecer um apartamento com isolamento médio (janelas de vidro simples), que esteja situado num local plano e que não seja especialmente frio. O espaço exemplificativo tem aproximadamente 80 metros quadrados e uma altura de 3 metros.

Começamos por calcular o volume do local a aquecer:
Superfície 80 m2 x altura 3 metros = 240 m3

De seguida multiplicamos o volume pelo coeficiente térmico. Se o grau de isolamento da casa for baixo, o coeficiente é igual a 40, se for médio a 35, se for elevado a 30. Neste caso, vamos utilizar um coeficiente de 35 porque temos condições de isolamento médio:
240 m3 x 35 = 8 400 Kcal

Obtivemos assim a quantidade de calor que o nosso espaço precisa. A potência de uma salamandra é expressa em kW. Para converter os Kcal em kW, divida os Kcal por 862:
8.400 Kcal / 862 = 9,7 kW

Concluímos que, neste caso, será necessária uma salamandra com aproximadamente 10 kW de potência.

  • Salamandra a Pellets Canalizável Lyra 15kW

    2.024,00
  • Salamandra Elton 14kW

    1.743,00
  • Salamandra Nicol

    1.972,92
  • Salamandra Sevilha 700 c/ Lenheiro

    1.180,00