Qual a diferença entre aquecimento por irradiação/convecção e por ventilação?

Existem dois tipos de aquecimento, por convecção/irradiação e os equipamentos com ventilação forçada. Ambos funcionam para aquecimento local, ainda que possam ter saídas de ar canalizável (duas ou quatro saídas).

Equipamento com Ventilação:

Dentro dos equipamento (recuperador, salamandra ou lareira) com ventilação forçada, existem 3 tipos de ventiladores:
– os axiais (as chamadas ventoinhas, que são os mais comuns e antigos);
– os tangenciais (são mais largos e finos, sendo um pouco mais silenciosos);
– os cocleares (por norma têm maior capacidade de aquecimento e também são silenciosos).

Por norma, nos equipamentos com ventilação não se podem desligar as ventoinhas, no entanto há alguns fabricantes em que é possível desligar os ventiladores sem danificar o circuito eléctrico.

Os ventiladores para os equipamentos são importantes para se conseguir ter ventilação forçada e circulação de ar, basicamente forçam a circulação de ar e consequentemente aquecem a casa de uma forma mais rápida. Geralmente este ventiladores já estão instalados no próprio equipamento e obrigam a que haja corrente eléctrica.

Equipamentos que aquecem por convecção/irradiação

Relativamente aos equipamentos (recuperadores, salamandras e lareiras) que aquecem por convecção, não é necessário corrente eléctrica, não têm ventiladores e são de fácil de manutenção. Uma das suas grandes vantagens, é o facto de serem extremamente silenciosos.

Existe uma falsa crença de que os recuperadores de convecção não aquecem tão bem, no entanto a única diferença reside no tempo que demoram a aquecer o local.

Como funciona a convecção/irradiação?

O processo de aquecimento por convecção consiste na propagação de ar quente fazendo com que o ar frio desça e o ar quente suba, trocando de lugar. Basicamente a convecção também causa ventilação passiva (movimento natural do ar) no local em que o equipamento está instalado. Isto ocorre porque o ar quente é menos denso que o ar frio.
Tudo se resume a correntes de ar que são geradas entre as trocas de ar quente e ar frio, isto faz com que o ar quente circule pela casa, e é definido como um processo termodinâmico.

O próprio equipamento emite radiação térmica (irradiação) que é um dos mecanismos fundamentais de transferência de calor. Por exemplo, um equipamento em ferro fundido e a vermiculite fazem com que a irradiação seja maior (notamos o calor a emanar do equipamento quando nos aproximamos).

Por isso é que os recuperadores estão instalados perto do chão, para conseguir enviar o calor para cima. Quanto ao ar condicionado, este é instalado em cima, visto que lança frio para baixo fazendo com que o ar quente suba.

Para descobrir os equipamentos que aquecem por convecção/irradiação mercado visite a nossa loja online